Search
segunda-feira 24 julho 2017
  • :
  • :

Vw Diz Que Novo Carro Elétrico Pode Ser Tão Revolucionário Quanto Fusca

Volkswagen revela detalhes de novo conceito 100% elétrico (Foto: Divulgação)

A Volkswagen apresentará no Salão de Paris, no final de setembro, um carro conceito elétrico que promete marcar o início de uma “nova era” para a montadora, que ainda tenta minimizar os efeitos do escândalo de fraude nos motores a diesel.

 + DE AUTOESPORTESiga o programa nas redes sociais

A marca alemã divulgou nesta sexta-feira (16) algumas imagens de detalhes de seu primeiro modelo feito sobre uma nova plataforma, pensada para veículos 100% elétricos.

Sem informações técnicas, a empresa comparou o novo modelo ao seu maior sucesso de vendas, o Fusca, e afirmou que o estudo representa a entrada da Volkswagen em uma “nova era”.

“O carro é tão revolucionário quanto o Fusca foi há 7 décadas, antes de se tornar o mais vendido do século passado. Este carro também tem o potencial de fazer história com um conceito completamente novo”, afirmou a Volkswagen.

Pelas imagens, é possível perceber a carroceria de hatchback, com iluminação totalmente em LED. A expectativa é de que o conceito se transforme em um carro comercial já em 2019.

Vale lembrar que o último modelo que a Volkswagen comparou ao Fusca foi o compacto Up!, que foi lançado no Brasil em 2014 e nem de longe alcançou sucesso similar até o momento.

Volkswagen diz que conceito pode ser tão revolucionário quanto o Fusca (Foto: Divulgação)

Guinada ‘verde’O grupo Volkswagen anunciou ainda em junho que lançará mais de 30 modelos de carros 100% elétricos nos próximos 10 anos, em uma tentativa de posicionar a montadora como líder dos transportes ecológicos.

A multinacional alemã, que inclui as marcas Porsche, Audi, Lamborghini, Bentley, Bugatti, Scania e MAN, informou que pretende vender “de dois milhões a três milhões” de unidades com a propulsão alternativa em 2025.

Entre eles está o Porsche Mission E, primeiro veículo totalmente elétrico da marca, que terá investimento de 1 bilhão de euros e será lançado até 2020.

Expectativa é de que o modelo elétrico chegue ao mercado em 2019 (Foto: Divulgação)