Search
domingo 28 maio 2017
  • :
  • :

Renault Muda Motores De Sandero, Logan, Duster E Oroch; Preços Sobem

Renault Logan e Sandero com novos motores 1.0 e 1.6 (Foto: Divulgação)

A Renault muda de uma vez o coração de grande parte da sua gama no Brasil, com a chegada de novos motores 1.0 e 1.6, chamados de SCe (Smart Control Efficiency). Eles ficaram até 21% mais econômicos, segundo a fabricante.

No entanto, enquanto o consumo diminuiu, os preços subiram levemente (com exceção aos motores 2.0), em relação aos praticados em outubro, que eram modelo 2016. Veja como ficaram os valores sugeridos pela Renault para a linha 2017 de seus modelos nacionais:

SanderoAuthentique 1.0 – R$ 42.400 (era R$ 41.100)Expression 1.0 – R$ 44.950 (era R$ 43.650)Vibe 1.0 – R$ 47.100 (nova versão)Expression 1.6 – R$ 49.770 (era R$ 47.420)Expression Easy’R 1.6 – R$ 54.420 (era R$ 52.070)Dynamique 1.6 – R$ 53.500 (era R$ 51.150)Dynamique Easy’R 1.6 – R$ 58.550 (R$ 56.200)GT Line 1.6 – R$ 54.620 (era R$ 52.270)R.S. 2.0 – R$ 62.500 (era R$ 62.125)

Renault Sandero 1.0 3 cilindros 2017 (Foto: Divulgação)

Sandero Stepway Stepway 1.6 16V SCe – R$ 59.720 (era R$ 57.370)Stepway Easy’R 1.6 16V SCe – R$ 63.070 (era R$ 60.720)Stepway 1.6 8V (motor antigo) – R$ 58.120 (era R$ 57.370) Stepway Easy’R 1.6 8V (motor antigo) – R$ 61.470 (era R$ 60.720)Stepway Rip Curl 1.6 8V (motor antigo) – R$ 58.220 (mesmo preço)Stepway Rip Curl Easy’R 1.6 8V (motor antigo) – R$ 61.570 (mesmo preço)

Renault Logan 1.6 2017 (Foto: Divulgação)

LoganAuthentique 1.0 – R$ 46.300 (era R$ 45.000)Expression 1.0 – R$ 48.200 (era R$ 46.900)Expression 1.6 – R$ 52.750 (era R$ 50.400)Expression Easy’R 1.6 – R$ 57.350 (era R$ 55.000)Dynamique 1.6 – R$ 56.400 (era R$ 54.050)Dynamique Easy-R 1.6 – R$ 61.400 (era R$ 59.050)

Duster Oroch  Expression 1.6 – R$ 69.620 (era R$ 67.400)Dynamique 1.6 – R$ 74.120 (era R$ 71.900)Dynamique 2.0 16V – R$ 77.120 (era R$ 75.900) Dynamique Automático 2.0 16V – R$ 79.120 (era R$ 77.900)

DusterExpression 1.6 – R$ 69.200 (era R$ 67.170)Dynamique 1.6 – R$ 75.290 (era R$ 73.260)Dynamique 2.0 16V – R$ 83.080 (mesmo preço)Dynamique Automático 2.0 16V – R$ 83.540 (mesmo preço)Dynamique 4×4 2.0 16V – R$ 85.540 (era R$ 85.370)

Motor 1.0 SCe da Renault para Logan e Sandero (Foto: Divulgação)

O que mudou no 1.0?“Esses motores terão seu lançamento mundial primeiro no brasil e depois vão para a Europa”, afirmou Marcio Melhorança, gerente de motores da aliança Renault-Nissan.

Seguindo a tendência mundial, o 1.0 tem agora 3 cilindros e ficou mais potente que o antigo 4 cilindros. Ele desenvolve 82 cavalos de potência com etanol e 79 cv com gasolina (2 cv a mais que o antecessor nos dois tipos de combustível).

 + DE AUTOESPORTESiga o programa nas redes sociais

O torque melhorou 15%, para 10,5 kgfm, sendo que 90% chega já a 2.000 rotações por minuto. O segredo da Renault foi adotar comandos de válvulas variáveis, tanto na admissão de combustível, quanto no escape. Na prática, essa leitura eletrônica no motor pode melhorar a retomada e a aceleração.

Com uso de alumínio e composto de carbono, entre outras mudanças, o propulsor ficou 20 kg mais leve. Adicionando bomba de óleo variável, direção eletro-hidráulica em todas as versões e sistema de regeneração de energia derivado da Fórmula 1, o conjunto deixou os modelos 1.0 da marca francesa até 19% mais econômicos.

O Sandero 1.0 SCe passa a ter uma autonomia média de 14,2 km/l (gasolina) e 9,5 km/l (etanol) na estrada, e 11,9 km/l e 8,1 km/l na cidade, respectivamente. Já o Logan registrou média de 14,5 km/l (gasolina) e 10 km/l (etanol) na estrada, e 13,8 km/l e 9,3 km/l na cidade. 

Motor 1.6 SCe da Renault para Logan, Sandero, Oroch e Duster (Foto: Divulgação)

E no 1.6?O propulsor 1.6 recebeu praticamente as mesmas melhorias técnicas que o 1.0, mas manteve os 4 cilindros e comando variável de válvulas apenas na admissão. A potência subiu de 106 cv para 118 cv com etanol, e de 98 cv para 115 cv com gasolina. O torque é de 16 kgfm para ambos.

De acordo com a fabricante, o novo motor 1.6 fez o Sandero ficar 3,7 segundos mais rápido na aceleração de 0 a 100 km/h, quase baixando da casa dos 10 segundos, com 10,3s. Mesmo com desempenho superior, o consumo de combustível caiu até 21% no Sandero e no Logan 1.6, que agora terão também o sistema start-stop.

Quando equipados com câmbio automatizado (Easy-R), o hatch e o sedã 1.6 passam a contar com controle eletrônico de estabilidade e assistente de partida em rampa na linha 2017.

Já no Duster e na Oroch a redução de consumo foi um pouco menor, de 18% e 16%, respectivamente. No entanto, os dois receberam uma diferenciação na calibragem da central eletrônica e no coletor de escapamento para render até 118 cv com etanol e 120 cv com gasolina. O SUV e a picape chegam às concessionárias com motor novo a partir da segunda metade de dezembro.