Search
sexta-feira 23 junho 2017
  • :
  • :

Hyundai Diz Que Investirá Us$ 130 Mi Na Produção Do Creta No Interior De Sp

O CEO da Hyundai Motors no Brasil, William Lee, disse nesta terça-feira (27), em entrevista no Palácio do Planalto, que informou ao presidente Michel Temer a intenção da montadora sul-coreana de investir US$ 130 milhões na produção de 10 mil modelos do SUV Creta na fábrica de Piracicaba (SP).

O veículo, que deverá ser apresentado em novembro no Salão do Automóvel de São Paulo, disputará o mercado com outros SUV compactos, como o Honda HR-V, o Jeep Renegade, o Nissan Kicks e o Ford EcoSport.

 SALÃO DE PARIS 2016G1 mostra os destaques da mostra francesa

Após o encontro com Temer, Lee explicou que atualmente a Hyundai produz somente o HB20 no país e, por isso, a empresa planeja ampliar seus investimentos no Brasil “no longo prazo”.

“Para esse novo modelo [SUV Creta], [serão investidos] US$ 130 milhões na fábrica de Piracicaba”, disse Lee. “A Hyundai é a única fábrica no Brasil de automóveis que opera 24 horas por dia em três turnos, então, não haverá demissões de empregados, mas, ao contrário, geração de emprego”, acrescentou, sem especificar quantas vagas deverão ser abertas.

O CEO da Hyundai declarou ainda que a empresa pretende investir outros US$ 25 milhões, também em Piracicaba, na criação de um centro de pesquisas, que deverá focar os estudos na utilização de álcool nos veículos da marca.

Questionado sobre os motivos de a empresa decidir investir no Brasil, mesmo diante de um cenário de crise econômica, William Lee disse que tratou do assunto com Temer e informou ao presidente que não só a empresa destinou esses US$ 155 milhões para investir, como ainda fará “investimentos adicionais”.

“Todo país passa por dificuldades, por momentos de subida e de descida, isso é normal. Agora, o crescimento econômico do Brasil é óbvio e vejo a potência do Brasil, a grande riqueza natural e, ao mesmo tempo, como os brasileiros são inteligentes no trabalho. Eu aposto nos grandes investimentos que faremos no Brasil e vejo isso com bons olhos”, declarou.